Moçambique: Assistência Técnica em Orçamentação Sensível ao Género Às Organizações da Sociedade Civil

AGORA moderator's picture
A especialista em Orçamentação Sensível ao Género do Pro PALOP-TL ISC, Graça Sanches, está em Maputo com o objetivo de fortalecer as capacidades das Organizações da Sociedade Civil (OSC) que trabalham na monitoria social das Finanças Públicas, dos membro do parlamento e instituições do Governo, em matérias de análise e fiscalização das Despesas Públicas com foco no género. Esta especialista que trabalha com Grupos de Mulheres Parlamentares e fiscalização legislativa com foco no género, terá encontros com diferentes instituições para se inteirar do funcionamento das organizações parceiras em matéria de igualdade de género e propôr um sistema de seguimento e monitorização da dimensão de género nas Despesas Públicas do Estado.
 
Durante a missão irá trabalhar em articulação com as OSC como o Forum de Monitoria de Orçamento (FMO), o Centro de Integridade Publica (CIP) e Facilidade, o Centro de Aprendizagem e Capacitação da Sociedade Civil (CESC), N´weti e Facilidade, e com as instituições acadêmicas. No Parlamento estão agendados encontros com Gabinete da Mulher Parlamentar e a Comissão especializada de Plano e Orçamento, a Comissão especializada dos Assuntos Sociais e Género Tecnologias e Comunicação Social. Adicionalmente, pretende-se estabelecer alianças e coordenações de trabalho com instituições governamentais, como o Ministério de Economia e Finanças e o Ministério de Género, Criança e Acção Social, assim como outros parceiros internacionais-chave no trabalho da promoção da igualdade de género em Moçambique, como ONU Mulheres. Tal como nos outros países, as atividades culminarão com o Seminário de Capacitação em Fiscalização Orçamental com Enfoque no Género, 26 e 27 de Julho, dirigido aos membros do Parlamento, membros das OSC que trabalham na monitoria social das finanças públicas e na promoção da igualdade de género, Instituições do governo e parceiros internacionais que trabalham na promoção da igualdade de género, incluindo a Delegação da União Europeia e ONU Mulheres.